logo2.gif











Educação e línguas indígenas

Educação


educacao

 

 

Desde cedo as crianças aprendem as tradições e costumes da tribo, assim como atividades relacionadas a sua sobrevivência. Eles aprendem a ser independentes. De um modo geral, ao integrar a sociedade indígena com a nossa sociedade, o grande obstáculo existente eram as várias línguas e a dificuldade de ensiná-los a falar e escrever em português.


 

 

Línguas indígenas


Primeiramente, a língua é um sistema, uma fala usadas tanto na escrita, quanto oralmente para expressar e comunicar algo. Ela e o dialeto possuem uma mesma definição, só que o último é restrito a apenas determinado grupo dentro de um país e numa mesma língua podemos encontrar vários dialetos. Em 1500 havia aproximadamente 1200 línguas e hoje os indígenas possuem 180.


Falantes de todas essas línguas, de vários troncos linguísticos (conjunto de línguas de mesma origem) e famílias linguísticas (conjunto de línguas diferenciadas a menos tempo) cada povo tem um vocabulário. Por exemplo, os Yanomamis falam o Yanomam, Sanumá, Yanomame e o Yanam que são da mesma família. Os Carajás falam a língua do tronco Macro-jê, do qual é formado por várias outras línguas da mesma origem só que com características diferentes.


Outro exemplo é a formação de nossa língua. Fazemos parte do Tronco Indo-Europeu, que é uma língua que se originou a milhares de anos e das famílias Latina, Celta, Eslava e Germânica, mas há diferenças. Entre as línguas de uma mesma família, por exemplo, a Latina, temos as línguas: Espanhol, Português, Francês e etc. Elas possuem diferenças e semelhanças entre si.


vamosaprenderJá na língua indígena elas são formadas por dois troncos, o Tupi e o Macro-Jê, que juntas possuem 19 famílias linguisticas. Há famílias com apenas uma língua que é o caso da família Mawé, os povos falam o Sateré-Mawé, e as vezes são chamadas de línguas isoladas, por não serem parecidas com outras línguas conhecidas.


Como poucas línguas foram estudadas e ainda existem índios isolados em regiões do Brasil, o conhecimento delas sempre passa por uma reformulação.


Vocabulário indígena


Alguns nomes dos estados brasileiros, de plantas e animais são derivados em sua maioria do Tupi, a língua que ganhou destaque na chegada dos colonizadores e exploradores. Apesar dele ter ido desaparecendo ainda existem muitas palavras do Tupi que são utilizadas, mas muitos indígenas devido a introdução do idioma português foram esquecendo. O vocabulário indígena é amplo, mas é preciso que haja resgate de algumas línguas pelos próprios povos. Exemplos de palavras utilizadas por nós do vocabulário indígena:

 

tabelaindio0